Iniciosemana del 15 de JULIO al 21 de JULIO

Comunicado del Ministerio de Defensa de Brasil

A propósito de informações veiculadas na edição de hoje (16/07) do jornal Valor Econômico, na matéria intitulada “Bolívia revistou avião de Amorim em busca de opositor”, o Ministério da Defesa esclarece o seguinte:

PORQUÉ LAS AUTORIDADES BOLIVIANAS ESCONDIERON ESTA INFORMACIÓN Y, PORQUÉ ADEMÁS EL EMPEÑO EN MENTIR NEGANDO REITERADAS VECES LA VERACIDAD DE ESTA INFORMACIÓN?

 
BOLIVIA VIOLÓ LA INMUNIDAD DE UN AVIÓN DE LA FUERZA AÉREA BRASILERA QUE TRANSPORTABA AL MINISTRO DE DEFENSA CELSO AMORÍN, EN OCTUBRE DE 2011.
 

1 – Não procede a informação de que o avião da FAB utilizado nesta viagem oficial, no dia 3 de outubro de 2012, foi vistoriado por autoridades bolivianas no aeroporto de Santa Cruz de La Sierra;

2 – Houve, no segundo semestre de 2011, ações por parte de autoridades bolivianas que configuraram violações de imunidade de aeronaves da FAB, uma delas envolvendo o avião que levou o ministro da Defesa em viagem oficial à La Paz no final de outubro de 2011;

3– O ministro da Defesa brasileiro nunca autorizou tal vistoria;

4– Os episódios ocorridos em 2011 foram objeto de nota de reclamação encaminhada pela embaixada do Brasil em La Paz à chancelaria boliviana;

5 – No documento, a embaixada informou que a repetição de tais procedimentos abusivos levaria à aplicação, pelo Brasil, do princípio da reciprocidade;

6 – Desde o envio da nota, a FAB não registrou novos episódios de vistorias em suas aeronaves por autoridades bolivianas.

Nota oficial: Brasília, 16 de julho de 2013.

Ver más

Artículos relacionados

Deja un comentario

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.

Botón volver arriba